Portuguese    English

NEWSLETTER

Subscreva a nossa newsletter:

Email:

 



FLASH NEWS DEZEMBRO 2016


1. No dia 18 de Março de 2016, foi eleita a nova Chancelaria para o triénio 2016 / 2018 composta pelos seguintes Confrades:

- Chanceler - George Thomas David Sandeman
- Almoxarife - António Manuel de Macedo Pinto e Vasconcelos
- Copeiro-Mor - David Bruce Fonseca Guimaraens
- Almotacé - Jorge Chamis Rosas
- Fiel das Usanças - Manuel Maria Matos de Magalhães Ferreira

Facebook


2. A Confraria executando o seu plano de actividades e tendo em conta a coordenação promocional com as Empresas que comercializam Vinho do Porto e Douro realizou as seguintes ações:

Cerimónia de Entronização em Shanghai no Marriott Hotel City Centre no dia 19 de Maio, tendo entronizado:
Com o grau de Infanções Wen Yingjie, Xuwei Wang, Joseph Chong e Qiuping QU e com o grau de Cavaleiro: João Pedro Fins de Lago Cônsul Geral de Portugal em Shanghai e Pedro Aires de Abreu – AICEP, Mathieu Le Pape, Chen He Hua, Lily Jia Li, Bin Fu, Dário Alexandre Neto Silva, Chris He e Alberto Fernandez.



Cerimónia de Entronização em Macau no The Ritz-Carlton, Macau, no dia 21 de Maio, tendo entronizado:
Com o grau de Infanção The Wine Society of Macau e com o grau de Cavaleiro: Vitor Sereno – Cônsul Geral de Portugal em Macau, Maria João Bonifácio – AICEP, Donald Hall, Adolphus Foo, António Neves Coelho, Claudio Salgado, Gilberto Lopes, Gregory De Eb, Henry Brockman, Hugo Bandeira, João Francisco Pinto, Jorge Neto Valente, Maggie Mak, Raymond Vong, Vernon Moore, Ana Sofia Pereira Coutinho Basto da Silva, David Anthony Higgins, Stephen Lai, Sunny Ip, Humberto Carlos Leitão Rodrigues, Raymond Lam e Stephanie Lee.



Vinexpo Ásia

Nos dias 24 a 26 de Maio, a Chancelaria esteve presente na Vinexpo, em Hong Kong, no stand da AEVP, no âmbito de numa mostra de Vinhos do Porto e Douro.


“Tratado de Amizade” com a Ordre Des Coteaux de Champagne

No dia 17 de Junho a Chancelaria da Confraria do Vinho do Porto e Dra. Isabel Marrana – deslocaram-se a Reims para assinar o “Tratado de Amizade” com a Ordre Des Coteaux de Champagne – Chapitre de la Fleur de Vigne . A cerimónia teve lugar no “Palais du Tau” na Place du Cardinal Luçon.

No dia 24 de Junho, pelas 17:00, decorreu mais uma Regata de Barcos Rabelos da Confraria do Vinho do Porto, a XXXIII.



Num dia esplendoroso de Sol, a Regata teve início à hora prevista, com saída do Cabedelo em direcção à Ponte D. Luiz I, acompanhada pelo barco da empresa BarcaDouro, com cerca de 250 pessoas, entre as quais destacadas personalidades da cidade, distintos Confrades e seus convidados.

As margens cheias de gente, emolduravam o rio em festa, pleno de vida e animação para assistirem ao evento mais tradicional que as cidades do Porto e Gaia oferecem aos seus habitantes.

Os 14 barcos Rabelos das várias empresas de Vinho do Porto (Gran Cruz, Fladgate Partnership, Sogevinus, Sogrape Vinhos, Symington Family Estates, Rozès) com as velas coloridas ao vento disputavam os lugares da frente, com toda a garra das equipas navegadoras.

No conjunto colorido das velas, destacavam-se o rosa, o azul, os pretos, o vermelho, o amarelo e as tradicionais velas brancas, que com os seus logos fazem a publicidade das grandes marcas de Vinho do Porto.

Ganhou esta regata o Rabelo “Infanta D. Isabel”, da firma Rozès, com a sua corajosa equipa, chefiada pelo Mestre António Saraiva.



Em segundo lugar ficou o Rabelo “Quinta do Vau” do Grupo Sogrape Vinhos e em terceiro lugar, “Rio Torto ” do grupo Symington Family Estates.

Seguiu-se a entrega dos prémios pelo Chanceler da Confraria, George Sandeman, os aplausos e as habituais fotos de família. Tudo isto acompanhado pelo grupo de JAZZ de rua.

Por fim, as equipas participantes e convidados dirigiram-se para as instalações das Caves Sandeman, onde se realizou um agradável Jantar convívio.

Realizou-se no dia 25 de Junho, pelas 18H30, no Palácio da Bolsa - Pátio das Nações, a Cerimónia Anual de Entronização dos Novos Confrades da Confraria do Vinho do Porto, sendo esta dedicada aos “260 Anos da Região Demarcada do Douro ”.

A anteceder a Cerimónia de Entronização de Novos Confrades, procedeu-se à “Assinatura do Tratado de Amizade e Cooperação entre a Ordre des Coteaux de Champanhe e a Confraria do Vinho do Porto, seguida da nossa Cerimónia.



Entre os 62 novos Confrades entronizados, destacaram-se:

Com o grau de CANCELÁRIO:
ANTÓNIO COSTA – Primeiro Ministro de Portugal


com o grau de INFANÇÃO:

ORDRE DES COTEAUX DE CHAMPAGNE
NAPA VALLEY VINTNERS
ADVID
TONY CARREIRA

como CAVALEIROS destacamos:

ANA BROCHADO COELHO – Funcionária do IVDP desde 1988, foi responsável pelos serviços Administrativos e Financeiros deste organismo.

BJARNE MOURIDSEN – Port Wine Lover. Dinamarquês, grande “embaixador” do Vinho do Porto, faz parte do board do “The Vintage Port Club” , é jornalista, blogger, organiza “Port Tours”, provas de Vinho do Porto, é incansável no seu trabalho de promoção do Vinho do Porto.

LUÍS HUMBERTO JARDIM MARCOS – Director do Museu Nacional de Imprensa, organizador do PortoCartoon-World Festival e autor de vários estudos sobre História de Imprensa, tecnologias de informação, censura e humor gráfico. É Jornalista e Professor Universitário.

TOMÁS SIMÕES – Funcionário do IVDP desde 1979, é responsável por diversos lugares de chefia dos serviços de laboratório deste organismo. O seu trabalho é essencial no processo de certificação dos Vinhos do Porto e do Douro.

Para além destas personalidades, entronizaram-se com o grau de Cavaleiro mais 33 confrades; com grau de Mestre 8 confrades e com grau de Experto 12 Confrades.

Antes do brinde final, o Chanceler George Sandeman fez um breve discurso sobre os ”260 Anos da Região Demarcada do Douro”.

À Cerimónia de Entronização, seguiu-se o cortejo dos novos Confrades e convidados até ao Edifício da Alfândega, onde se realizou o Jantar e Baile de Gala, precedidos pela Cavalaria da Guarda Nacional Republicana, a Banda e um Carro Eléctrico que transportou alguns dos convidados.


Cerimónia de Entronização em Seattle no “The Fairmont Olympic Hotel, no dia 25 de Outubro, tendo entronizado:

Com o grau de Infanção: Gregory Jones e website “FTLOP-For The Love Of Port”

e com o grau de Cavaleiros :
Andrew Tennenbaum, Andrew Velebil, Stewart Todd, John D. Klein, Jonathan Marvin, Xavier Barlier, Cortney Lease, Doug Culver, Francis Bigelow, Harvey Floyd Roberts, Michael Waissman, Mike Plunkett, Sharon Baden, Arnie Millan e Rebecca Murphy.



Cerimónia de Entronização em San Francisco no “The Palace Hotel, San Francisco, no dia 27 de Outubro, tendo entronizado:

Com o grau de Infanção: Alex Padilla, Devin Nunes, Mike Thompson, Linda Reiff e Paul Duguid e com o grau de Cavaleiro : Jim Costa, Nuno Mathias, Terry Owyang, David Kennard, Heini Zachariassen, Darioush Khaledi, Vance Thompson, Andrew Schweiger, Stan Boyd, Judd Wallenbrock, Michael Maher, Rex Stults, Clyde Beffa Jr., Jon Newlon, Stewart Prato, Kevin Coelho, Damien Carney, Peter Monteleone, David Glancy, Peter Granoff, Deborah Parker Wong, Joe Manekin, Kim Beto, Marcus Garcia, Paul Demartini, Richard Carleton Hacker eSarah Trubnick.



Cerimónia de Entronização em Vancouver no “Four Seasons Hotel Vancouver”, no Canadá, no dia 31 de Outubro, tendo entronizado:

Com o grau de Infanção: Suzanne Anton e Michelle McCarthy e como Cavaleiros : Anthony Gismondi, Anthony Chelton, Iain Philip Aiws, Michael Procopio, Roland Monteiro, Sid Cross, Tim Pawsey, Robert Simpson, Allen Herman, David Luetkehoelter, Nicholas Sabanis, Annabelle Corga Evaristo, Clarence Jackson, Dirk Chan, Barbara Philip, David Herman e Michaela Morris.


Realizou-se, no dia 1 de Outubro, mais uma edição da Taça Confraria do Vinho do Porto, no Oporto Golf Clube de Espinho.

Esta competição organizada pela Confraria do Vinho do Porto e apoiada pelo Oporto Golf Club tem como objetivo divulgar a realização da taça Vinho do Porto, para potenciar a promoção e divulgação do Vinho do Porto junto dos jogadores de golf e dos sócios do Oporto Golfe Clube de Espinho.

Esteve presente em representação da Chancelaria: Chanceler Emeritus Francisco Javier Olazabal

A prova teve início às 9h00, com 91 pessoas inscritas, sendo reservada a maiores de 18 anos. Esta prova foi aberta a todos os Confrades e aos jogadores de todos os clubes filiados na Federação Portuguesa de Golf e também a estrangeiros, desde que apresentassem certificado comprovativo do seu handicap.



3. EFEMÉRIDES

É com enorme pesar que informamos que:

-O nosso Confrade Mário Saraiva Pinto da Sociedade dos Vinhos Borges, entronizado pela nossa Confraria com o grau de Mestre, faleceu no mês de Abril de 2016.

-O nosso Confrade e Jornalista Manuel José Lopes, entronizado pela nossa Confraria com o grau de Cavaleiro em 1987, faleceu no passado dia 30 de Junho.


Durante mais de 40 anos exerceu a sua atividade em Madrid, como correspondente da Agência Lusa, TSF, etc.

Foi sempre muito sensível à situação do Vinho do Porto em Espanha e combateu com as mesmas armas ao seu alcance, as muitas imitações e fraudes de toda a ordem de que o nosso vinho foi vítima.

Entre outras, fez uma reportagem a partir de Andorra, ação em que muito colaborou o Dr. António Liz Dias, então Delegado do ICEP em Madrid.


Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º5 - 4 de DEZEMBRO 2015


TAÇA GOLFE CONFRARIA DO VINHO DO PORTO 2015

Realizou-se, no dia 5 de Setembro, mais uma edição da Taça Confraria do Vinho do Porto, no Oporto Golf Clube de Espinho.

Esta competição organizada pelo Oporto Golf Club e apoiada pela Confraria do Vinho do Porto tem como objectivo divulgar a realização da taça Vinho do Porto, para potenciar a promoção e divulgação do Vinho do Porto junto dos jogadores de golf e dos sócios do Oporto Golfe Clube de Espinho.

Esteve presente em representação da Chancelaria: Chanceler Emeritus Francisco Javier Olazabal.



A prova teve início às 9h00, com 118 pessoas inscritas, sendo reservada a maiores de 18 anos.

Esta prova foi aberta a todos os Confrades e aos jogadores de todos os clubes filiados na Federação Portuguesa de Golf e também a estrangeiros, desde que apresentassem certificado comprovativo do seu handicap.

Ela foi disputada da seguinte forma:

Com a modalidade Stableford os limites de handicap foram 24 para homens e 32 para Senhoras. Em caso de empate “Net” a atribuição seria efectuada ao jogador com handicap mais baixo e o “Gross” ao de handicap mais alto. Se os jogadores empatados tivessem o mesmo handicap, ganharia aquele que tivesse os melhores segundos nove, seis ou três últimos buracos.

Á prova de golfe seguiu-se um almoço de confraternização, com o preenchimento de um “Quiz”- sobre o Vinho do Porto e um “Quiz” - sobre o Golf, procedeu-se depois à entrega de prémios.

O torneio de Golf – Taça Confraria do Vinho do Porto – teve os seguintes vencedores:

1º Confrade - Francisco Olazabal Nicolau de Almeida – 36 pontos
1º Gross - Afonso Martins – 32 pontos

2º Nett – António Fernando Oliveira – 41 pontos

1º Nett – Adolfo Pinto Leite – 42 pontos

Bola Mais perto do buraco – Mário Dias

Drive mais comprido – Afonso Martins

Vencedor do Questionário sobre Vinho do Porto e do Questionário sobre Golf – José Augusto Silva

Questionário Vinho do Porto (PDF – 131KB)

Questionário Golfe (PDF – 45KB)

Os vinhos servidos no almoço foram oferecidos pelas seguintes firmas: Adriano Ramos-Pinto, C. da Silva, Quinta do Noval, Sogevinus, Sogrape Vinhos, SA, Quinta do Crasto, F. Olazabal & Filhos, terminando com um Vinho do Porto Tawny 10 Anos Confraria do Vinho do Porto, a acompanhar a sobremesa.

A Confraria do Vinho do Porto agradece a colaboração do Antonio Leite Castro na realização do questionário sobre golfe e ao Confrade Vasco Magalhães, pela colaboração na realização do questionário sobre o Vinho do Porto.


Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º4 - 4 de DEZEMBRO 2015


XXXII REGATA DOS BARCOS RABELOS

No dia 24 de Junho, pelas 17:00, decorreu mais uma Regata de barcos Rabelos da Confraria do Vinho do Porto, a XXXII.

Num dia um pouco cinzento, a Regata teve início à hora prevista, com saída do Cabedelo em direcção à Ponte D. Luiz I, acompanhada pelo barco da empresa BarcaDouro, com cerca de 250 pessoas, entre as quais destacadas personalidades da cidade, distintos Confrades e seus convidados.




As margens cheias de gente, emolduravam o rio em festa, pleno de vida e animação para assistirem ao evento mais tradicional que as cidades do Porto e Gaia oferecem aos seus habitantes.

Os 14 barcos Rabelos das várias empresas de Vinho do Porto ( Gran Cruz, Quinta and Vineyard Bottlers, Sogevinus, Sogrape Vinhos, Symington Family Estates, Rozès) com as velas coloridas ao vento disputavam os lugares da frente, com toda a garra das equipas navegadoras.

No conjunto colorido das velas, destacavam-se o rosa, o azul, os pretos, o vermelho, o amarelo e as tradicionais velas branco sujo, que com os seus logos fazem a publicidade das grandes marcas de Vinho do Porto.

Ganhou esta regata o Rabelo “Quinta dos Canais” , do Grupo Symington Family Estates, com a sua corajosa equipa, chefiada pelo Mestre Luís Martins.


Em segundo lugar ficou o Rabelo “Panascal” do Grupo Quinta and Vineyard Bottlers e em terceiro lugar, “Quinta do Vau” da Firma Sogrape Vinhos.

Seguiu-se a entrega dos prémios pelo Chanceler da Confraria, Senhor George Sandeman, os aplausos e as habituais fotos de família. Tudo isto acompanhado por um grupo de JAZZ de rua.

Por fim, as equipas participantes e convidados dirigiram-se para as instalações das Caves Sandeman, onde se realizou um agradável Jantar convívio.


Também está disponível, no canal youtube da Confraria, um pequeno filme sobre a XXXII Regata de Barcos Rabelos: https://youtu.be/YS88cgpYJKc


Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º3 - 3 de DEZEMBRO 2015


CERIMÓNIA DE ENTRONIZAÇÃO DOS NOVOS CONFRADES

Realizou-se no dia 20 de Junho, pelas 18H30, no Palácio da Bolsa - Pátio das Nações, a Cerimónia Anual de Entronização dos Novos Confrades da Confraria do Vinho do Porto, sendo esta dedicada aos “600 Anos da Expansão Marítima Portuguesa”.




Entre os 70 novos Confrades entronizados, destacaram-se:

com o grau de INFANÇÃO

MARIA ASSUNÇÃO CRISTAS – Ministra da Agricultura e do Mar de Portugal
JOSÉ DIOGO DE ALBUQUERQUE – Secretário de Estado da Agricultura
JEAN-FRANÇOIS BLAREL – Embaixador de França em Portugal
JORGE RYDER TORRES PEREIRA – Embaixador de Portugal na China
RUI CARVALHO DE ARAÚJO MOREIRA – Presidente da Câmara Municipal do Porto
EDUARDO VICTOR RODRIGUES – Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia

como CAVALEIROS destacamos:

KARL VON HABSBURG – É desde 2000 chefe e soberano da Ordem do Tosão de Ouro, sendo desde 2007, o chefe da Casa de Habsburgo. Ex-deputado Europeu, Especialista em Lei Humanitária Internacional e grande apreciador, consumidor e divulgador do Vinho do Porto.

ALFREDO JOSÉ FERREIRA CARDOSO DA SILVA – Licenciado em Engenharia Agrícola. É Director dos Serviços Técnicos do IVDP.

ILKA SIRÉN – Escritor na revista on-line Blend - All About Wine, fundador do blog Wiiniti Tv, eleito o melhor blog de vinhos da Finlândia. Grande apreciador, consumidor e divulgador do Vinho do Porto.


Para além destas personalidades, entronizaram-se com o grau de Cavaleiro mais 33 confrades; com grau de Mestre 7 confrades e com grau de Experto 21 Confrades.

Antes do brinde final, o Chanceler, Senhor George Sandeman fez um breve discurso sobre “600 Anos da Expansão Marítima Portuguesa”:

· Em cada ano dedicamos a cerimónia de Entronização a uma pessoa ou assunto importante para a história do Vinho do Porto – e este ano celebramos os 600 anos da expansão marítima portuguesa

· Em 1415, há seis séculos, uma frota de navios, muitos deles contruídos na praia de Miragaia – onde hoje se encontra o edifício da Alfandega – zarpou do Porto com destino a Ceuta. · Os mais de duzentos navios e cerca de 20 mil militares portugueses desembarcaram no Norte de África e rapidamente tomaram a cidade. Com a conquista de Ceuta iniciou-se, com glória, a expansão marítima dos portugueses pelo mundo.

· À frente da expedição estavam o rei D. João I, o príncipe herdeiro, D. Duarte, os infantes D. Pedro e D. Henrique, e o condestável D. Nuno Álvares Pereira.

· Tendo o patrono da Confraria do Vinho do Porto, o Infante D. Henrique, o Navegador, nascido no Porto, não podemos deixar de nos associar ao marco histórico da celebração dos 600 anos de um dos momentos mais gloriosos da história de Portugal

· Não podemos duvidar de que estes navegadores levavam com eles vinhos da região do Douro - os predecessores do Vinho do Porto que hoje celebramos – e sabemos que a população do Porto ofereceu todo a carne que podia aos expedicionários, ficando apenas com as tripas para a alimentação,

· Estas tripas foram transformadas num prato saboroso -"Tripas à moda do Porto" - que hoje é menu obrigatório à quinta-feira em muitos restaurantes, e que deu aos naturais do Porto a alcunha de "tripeiros".

· Os engenhosos e intrépidos Portuenses foram reconhecidos pelo seu papel fundamental na defesa dos ideais do liberalismo durante a guerra civil de 1832-34, e os feitos valerosos levados a cabo pelos seus habitantes — o famoso Cerco do Porto, valeu mesmo à cidade a atribuição, pela rainha D. Maria II, do título — único entre as demais cidades de Portugal — de Invicta

São estas histórias de ousadia e intrepidez um fator importante para assegurar o futuro do Vinho do Porto. A capacidade de conquistar novos mercados faz parte do ADN do Vinho do Porto - um vinho que tem uma história virada para o mundo – nascido no Douro, criado nas caves de Gaia e tem o nome do Porto é um grande embaixador do país de origem, Portugal.

Contudo, o Vinho do Porto do século 21 não está chauvinisticamente amarrado às tradições, especialmente quanto à forma de o consumir. Todos aceitamos entusiasticamente o desenvolvimento de novas ofertas para alargar o conhecimento e consumo do Vinho do Porto num mundo moderno, não só vinhos velhos com Idade, mas também os novos hábitos, tal com o Vintage consumido jovem, os “long-drinks”, os “cocktails”, o “rosé” ou simplesmente desfrutá-lo fresco – mas sempre com moderação!

Esta Chancelaria está comprometida em apoiar toda a iniciativa para divulgar o Vinho do Porto, as suas tradições e as suas formas de consumir – novas ou velhas – e, agora, passamos este desafio, não, esta missão, a todos os novos Confrades hoje aqui entronizados, a quem saúdo calorosamente, e a quem digo “bem-vindos” à Confraria do Vinho do Porto!

~*~

A Imprensa, acompanhou toda a Cerimónia.

À Cerimónia de Entronização, seguiu-se o cortejo dos novos Confrades e convidados até ao Edifício da Alfândega, onde se realizou o Jantar e Baile de Gala, precedidos pela Cavalaria da Guarda Nacional Republicana, a Banda e um Carro Eléctrico que transportou alguns dos convidados.


A ementa do Jantar, foi confecionada pelo Chef Executivo da Empresa Palace Catering, Fernando Santos e constou de:

- Lombinho de Bacalhau e Ovo Escalfado a baixa temperatura (66º) com Farinheira de Porco Preto, Espargos e Coentros

Vinho Branco Quinta de Ventozelo, Viosinho 2014 – Quinta de Ventozelo Sociedade Agrícola e Comercial, SA

- Lombinho de Porco Ibérico Salteado com Aromas do Campo e Arroz Caldoso de Legumes

Vinho Tinto Vertente 2012 – Niepoort (Vinhos), SA Vinho Tinto VZ 2012 – Van Zellers & Co. (Lemos & van Zeller, Lda.)

- Pêra Assada com Alcaçuz, Chocolate e Gelado de Café<
Vinho do Porto Tawny 20 Anos Confraria do Vinho do Porto

- Trilogia de Queijos (queijo de cabra transmontano DOP, queijo Ilha S. Jorge cura 4 meses e queijo de Azeitão) com Compota de Abóbora Menina Caseira

Vinho do Porto Vintage 1997

After Hours

- Preguinhos de Alcatra com Alho
- Creme de Espargos Verdes

O Baile foi muito participado e prolongou-se pela noite dentro.

Também está disponível no canal youtube da Confraria, um pequeno filme sobre a Cerimónia de Entronização 2015: https://youtu.be/aeTCA_AIWf4


Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º 2 - 25 de JUNHO 2015


UMAS CERIMÓNIA DE ENTRONIZAÇÃO DOS NOVOS CONFRADES E XXXII REGATA DE BARCOS RABELOS

Esta semana a Confraria do Vinho do Porto esteve em Festa:

Sábado teve lugar a cerimónia de entronização anual com 70 novos confrades.




O dia de S. João celebrou-se com a XXXII Regata dos Barcos Rabelos cujos 3 primeiros classificados foram:

1.º SYMINGTON FAMILY ESTATES - VINHOS, LDA. com a insígnia COCKBURN
2.º QUINTA AND VINEYARD BOTTLERS - VINHOS, S.A. com a insígnia FONSECA
3.º SOGRAPE VINHOS, S.A. com a insígnia SANDEMAN

O Vinho do Porto festejou com a cidade do Porto, uma vez mais, a tradição e a cultura que este simboliza.

Veja aqui os relatos da comunicação social sobre os eventos:

http://www.jn.pt/PaginaInicial/Pais/interior.aspx?content_id=4640836
http://www.porto24.pt/cidade/barco-da-dalva-vence-renhida-regata-dos-barcos-rabelos/
http://www.porto24.pt/cidade/cockburns-vence-32-regata-de-s-joao-com-barcos-rabelos/
http://bomdia.eu/veja-as-imagens-da-regata-de-rabelos-no-porto/
http://www.sapo.pt/noticias/cockburn-s-vence-32-regata-de-s-joao-com_558b05941c2d90be5ceba21b
http://www.publico.pt/multimedia/video/regata-de-barcos-rabelos-20156242310221
http://www.tvi.iol.pt/videos/558b0c370cf2f61b1a7fa072
http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=779135
http://portocanal.sapo.pt/noticia/62768/
http://www.rtp.pt/play/p1396/e177389/bom-dia-portugal/402001 (ao minuto 14:33)


Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º 1 - 1 de JUNHO 2015


UMAS PALAVRAS SOBRE O ROBIN REID
(18/10/1925 – 28/06/2015)

“Robin Allan Noel Reid foi o “pai” da Confraria do Vinho do Porto. O mentor impulsionador, que antes das circunstâncias o permitirem, acreditou que um dia seria possivel criar uma Confraria que juntasse os melhores valores do vinho do Porto, e que pudesse representar estes valores pelo mundo inteiro.

Foi Almoxarife na primeira Chancelaria com outros grandes nomes do vinho do Porto, Fernando Nicolau de Almeida (Chanceler), José António Rosas (Copeiro-Mor) Michael Douglas Symington (Almotacé) e Manuel Poças Pintão (Fiel das Usanças).




Na emblemática foto dessa primeira Chancelaria encontra-se o nosso Almoxarife Eméritos na frente ao centro com um olhar intenso – o Robin contemplando um futuro da Confraria que ele adivinhava ilustre.

O Robin nunca pretendeu ser Chanceler, defendia que o Chanceler devia ser Português, mas serviu como Almoxarife em quatro Chancelarias, continuamente entre 1982 e 1997 quando passou a bandeira para mim.

Além da bandeira da Confraria, cujo porte faz parte da responsabilidade do Almoxarife, o Robin levava uma corneta que, quando necessário, soprava para obter ordem e permitir ao Chanceler falar e ser ouvido.

Uma vez no Brasil, uma jornalista perguntou qual era a utilidade da corneta, ao qual Robin respondeu “é para chamar os veados”…..

Eu tive a honra de suceder ao Robin como Almoxarife e ele simpaticamente e generosamente deu-me uma corneta militar para eu seguir a tradição que ele criou, mas nunca consegui fazer mais do que alguns sons pouco dignos.

Só mostra que era uma pessoa única e que dificilmente alguém conseguiria seguir os seus passos.

Um “gentleman”, Robin foi pessoa emblemática do vinho do Porto, sempre bem-disposto, marcava as pessoas com o seu bom humor. Um grande embaixador do Vinho do Porto o Robin era conhecido no Trade por todo o mundo.

Num almoço nos Estados Unidos uma vez ouvi o Robin hipnotizar uma mesa com as suas histórias sobre o Vinho do Porto e o Douro.

Ele relatou que tinha feito um cálculo de quanto Vinho do Porto tinha bebido ao longo da vida e estimava que a soma se aproximava de uma pipa!

O Manuel Magalhães Ferreira, que esteve com o Robin numa missão da Confraria no Brazil, conta uma história de uma magnífica receção oferecida por um grande apreciador do Vinho do Porto onde o empregado chamou atenção ao Robin que as ovas pretas de que se estava a servir com entusiasmo era Caviar…. o Robin respondeu “eu sei! eu sei!”

A paixão pela Confraria ficou com o Robin sempre, e o facto de já estar em cadeira de rodas não o impediu de participar na Cerimónia de Entronização em 2013, e numa conversa no Factory House esta quarta-feira passada a Olga disse-me que o Robin insistia em estar presente na Cerimónia deste ano.

Um dos seus grandes orgulhos foi o dia em que entronizou a sua filha Olga como Cavaleiro na Confraria.

Sem dúvida, cada um de nós se vai lembrar do Robin com as memórias especiais que ele nos deixa.

Eu nunca vou esquecer a simpatia e generosidade dele e da Elsa em me receber, em 1971, durante a minha primeira estadia em Portugal. Embora tivessem 4 filhas lindas, convidavam-me, um rapaz de cabelo comprido, para jantar em casa muitas vezes. O Robin chamava-me “George of the jungle” devido a meu cabelo e suíças!

Quero agradecer à família a honra e privilégio de me convidarem para dizer estas poucas palavras.

Em nome da Chancelaria, e de todos os Confrades, ofereço as minhas condolências à Elsa e às meninas lindas, e garanto que na história da Confraria do Vinho do Porto o Robin Allan Noel Reid será sempre lembrado.”

George Sandeman
29 maio de 2015


Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º 2 - 16 de Setembro 2014


XXXI REGATA DOS BARCOS RABELOS

No dia 24 de Junho, pelas 13h00, decorreu mais uma Regata de barcos Rabelos da Confraria do Vinho do Porto, a XXXI.

Num dia um pouco cinzento, a Regata teve início à hora prevista, com saída do Cabedelo em direcção à Ponte D. Luiz I, acompanhada pelo barco da empresa BarcaDouro, com cerca de 250 pessoas, entre as quais destacadas personalidades da cidade, distintos Confrades e seus convidados.




As margens com a população ribeirinha e os turistas, emolduravam o rio em festa, pleno de vida e animação para assistirem ao evento mais tradicional que as cidades do Porto e Gaia oferecem aos seus habitantes.

Os 14 barcos Rabelos das várias marcas de Vinho do Porto (Barros, Cálem, Cockburn’s, Cruz, Dalva, Dow’s, Ferreira, Graham’s, Kopke, Offley, Rozès, Sandeman, Taylor’s e Warre’s) com as velas coloridas ao vento disputavam os lugares da frente, com toda a garra das equipas navegadoras.

No conjunto colorido das velas, destacavam-se o azul, os pretos, o vermelho, o amarelo e as tradicionais velas branco sujo, que com os seus logos fazem a publicidade das grandes marcas de Vinho do Porto.

Ganhou esta regata o Rabelo “Dalva” , da empresa Gran Cruz, com a sua corajosa equipa, chefiada pelo Mestre Jorge Dias.


Em segundo lugar ficou o Rabelo “Quinta da Cavadinha” do Grupo Symington Family Estates e em terceiro lugar, “Quinta dos Canais ” também do Grupo Symington Family Estates.

Seguiu-se a entrega dos prémios pelo Chanceler da Confraria, Senhor George Sandeman, os aplausos e as habituais fotos de família. Tudo isto acompanhado por um grupo de JAZZ de rua.

Por fim, as equipas participantes e convidados dirigiram-se para as instalações das Caves Sandeman, onde se realizou um agradável Almoço convívio.




Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º 1 - 16 de Setembro 2014


Cerimónia de Entronização dos Novos Confrades

Realizou-se no dia 21 de Junho, pelas 18H30, no Palácio da Bolsa - Pátio das Nações, a Cerimónia Anual de Entronização dos Novos Confrades da Confraria do Vinho do Porto, sendo esta dedicada à “Arte do Blend” no Vinho do Porto.



Entre os 64 novos Confrades entronizados, destacaram-se:

com o grau de INFANÇÃO

UTAD – Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
THOMAS STELZER - Embaixador da Áustria em Portugal e Cabo Verde
PORTO CANAL – Canal de TV da cidade do Porto e Norte de Portugal.

como CAVALEIROS destacamos:

ALBERTO RIBEIRO DE ALMEIDA – Jurista e Professor de Direito fez doutoramento na protecção das denominações de origem. É o responsável pelos serviços jurídicos do IVDP. Tem prosseguido dossiers da mais alta importância com destaque para a protecção da denominação de origem Vinho do Porto, matéria em que é Doutorado pela Universidade de Direito de Coimbra.

JOAQUIM PAULA MARQUES – Grande apreciador, consumidor e divulgador do Vinho do Porto.

Para além destas personalidades, entronizaram-se com o grau de Cavaleiro mais 32 confrades; com grau de Mestre 4 confrades e com grau de Experto 22 Confrades.


Antes do brinde final, o Chanceler, Senhor George Sandeman fez um breve discurso sobre “A Arte do Blend” no Vinho do Porto.

Minhas Senhoras e meus senhores, manda a tradição que o Chanceler diga algumas palavras neste ponto da cerimónia – o que farei em Português e depois em Inglês.

· Gostava de começar por cumprimentar o
o Senhor Vice Presidente da CCDR-N, Eng.º Álvaro Carvalho

· Gostaria ainda de dirigir uma saudação especial ao Senhor Presidente do IVDP, Dr. Manuel Novaes Cabral, a quem agradeço a presença e principalmente o apoio constante que tem dado à nossa Confraria, como Confrade e como Presidente do Instituto.

· Queria ainda agradecer a presença de todas as Confrarias que hoje nos acompanham.

·

E, também, especialmente saudar e dar as boas vindas ao:

o Sr. Reitor da UTAD – Universidade de Trás os Montes e Alto Douro

o Sr. EMBAIXADOR DA ÁUSTRIA EM PORTUGAL - THOMAS STELZER

o PORTO CANAL – o canal de televisão do Grande Porto e do Norte do País

o Dr. ALBERTO RIBEIRO DE ALMEIDA – Jurista e Professor de Direito que tanto tem feito pela proteção da denominação de origem “Vinho do Porto”

o Todos os nossos novos Confrades Honorários

o Todos os novos Confrades Efetivos – mestres e expertos – a quem deixo um pedido: Assumam um papel ativo e participem da melhor forma que vos for possível para ajudar-nos a dinamizar a nossa Confraria

· Quero cumprimentar todos os presentes e agradecer-lhes por acompanharem esta cerimónia, que é o ponto alto do ano para a celebração da Confraria do Vinho do Porto e, finalmente, saúdo todos os Confrades ativos, Mestres e Expertos – é tão bom ver tantos, depois dos Capítulos frequentemente esquecidos.

· Todos os anos, preparo um discurso que tento seja relevante para os acontecimentos da nossa Confraria e a audiência pacientemente aguarda até ao fim para bater palmas – mas, o ano passado fui alertado que a acústica não é grande coisa e a maioria das pessoas não percebem o que estou a dizer; assim falarei pouco.

Discurso.

· Cada ano dedicamos a cerimónia de Entronização a uma pessoa ou assunto relevante na história do Vinho do Porto – e este ano celebramos a Arte de “Blend”

· Este não sendo um “Ano Vintage” não falamos dos Vintages e sua declaração mas não posso deixar de comentar o crescente interesse nos vinhos velhos que vêm a ser lançados no mercado.

· Estes Tawnies de grande idade – antigamente referidos com algum desprezo como “wood Ports” – hoje realçam a joia da coroa do Vinho do Porto que é o Tawny de categoria especial.

· Sejam colheitas muito antigas ou vinhos de 40,30, 20 e 10 Anos, o interesse nestes Tawnies é cada vez maior em todo o mundo.

· Como todo o Vinho do Porto, deve ser cuidadosamente respeitada a qualidade de envelhecimento destes Tawnies de Idade para manter as características e imagem deste precioso vinho - essencial para a credibilidade que adicionam ao Vinho do Porto.

· Claro que, se há exemplo da “arte do blend” no Vinho do Porto, são estes Tawnies envelhecidos com todo o cuidado e muito trabalho.

· O “blend” - ou lote - é fundamental no Vinho do Porto, aliás, até há poucos anos não se falava do “enólogo” mas sim do “blender” – uma pessoa que ganhava experiência ao longo de muitos anos de trabalho na sala de provas, iniciando a sua vida como aprendiz e acabando como mestre.

· O “blender” tinha a pesada responsabilidade de harmonizar as diferenças entre os vinhos de vários anos, fases de envelhecimento, características individuais e criar um Vinho do Porto que realçava tudo o que de bom nele existia.

· Esta arte, que segundo o Historiador Professor Paul Duguid - grande investigador da história do Vinho do Porto - começou de forma qualitativa no Porto na primeira metade do seculo 19, é verdadeiramente uma definição prática das palavras de Aristóteles que “o todo é maior do que a simples soma de suas partes”

· O efeito “blend” do Vinho do Porto vai além do vinho em si, pois este vinho celebrado pela nossa Confraria teve ao longo dos séculos o efeito de juntar nações, nacionalidades, culturas e famílias num “blend” que hoje é refletido no atual sector do Vinho do Porto onde se juntam Portugueses, Ingleses, Franceses, Espanhóis, Holandeses, Alemães, Belgas e outros, num “blend multicultural” pouco comum num setor.

Esta história de juntar vinhos e culturas é fator importante para tornar o futuro do Vinho do Porto mais seguro e mais interessante. A capacidade de produzir vinhos de alta qualidade, de atingir novos mercados, de valorizar a exportação, tudo vem deste “blend” de pessoas viradas para o mundo.

Contudo o Vinho do Porto do século 21 não está chauvinisticamente amarrado às tradições, especialmente quanto à forma de o consumir, e todos agarramos entusiasticamente o desenvolvimento de novas ofertas para alargar o conhecimento e consumo do Vinho do Porto num mundo moderno, não só vinhos velhos com Idade mas também os novos hábitos tal como o Vintage consumido jovem, os “long-drinks”, os “cocktails”, o “rosé” ou simplesmente desfrutá-lo fresco – mas sempre com moderação!

Esta Chancelaria está comprometida a apoiar toda a iniciativa para divulgar o Vinho do Porto, as suas tradições e as suas formas de consumir – novas ou velhas – e, agora, passamos este desafio, não, esta missão, a todos os novos Confrades hoje aqui entronizados, a quem saúdo calorosamente, e a quem digo “bem-vindos” à Confraria do Vinho do Porto!

~*~

A Imprensa, com destaque para o Porto Canal, acompanhou toda a Cerimónia.

À Cerimónia de Entronização, seguiu-se o cortejo dos novos Confrades e convidados até ao Edifício da Alfândega, onde se realizou o Jantar e Baile de Gala, precedidos pela Cavalaria da Guarda Nacional Republicana, a Banda e um Carro Eléctrico que transportou alguns dos convidados.


A ementa do Jantar, foi confeccionada pelo Chef Executivo da Empresa Palace Catering, Fernando Santos e constou de:

- Pescada Fresca escalfada com Creme de Pimento e Molho verde de Ameijoas.

Vinho Branco Dalva reserva 2012 – C. da Silva (Vinhos), SA
Vinho Branco Tiara 2012 – Niepoort (Vinhos), SA


- Duo de Rabo de Boi e Bochecha de Porco com Puré de Couve Flôr e Ragout

Quinta do Grifo Reserva Tinto 2010 – Rozès, SA
Vinho Tinto Touriga Nacional 2009 – Quinta do Noval – Vinhos, SA


- Farófias com creme de Baunilha e Canela, Sopa de Morangos e Gelado de Caramelo Balsâmico.

Vinho do Porto Tawny 20 Anos Confraria do Vinho do Porto


- Selecção de Queijos Regionais Portugueses com Compota de Morango e Abobora

Vinho do Porto Vintage 1994


After Hours
- Preguinhos de Alcatra com Alho
- Creme de Espargos Verdes

O Baile foi muito participado e prolongou-se pela noite dentro.




Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º 10 - 12 de Dezembro 2013


prova De Vinhos do Porto da década de 90

Caro Confrade,

No passado dia 6 de Dezembro, no Sheraton Hotel no Porto, integrada no evento internacional “Mesa ao Vivo” Portugal /Brasil, teve lugar uma grande prova de Vinho do Porto da década de 90, organizada pela Confraria do Vinho do Porto.

Estiveram 57 Vinhos do Porto em prova, desde Vintages e Colheitas de 1991 a 1999 e foi elaborado um catálogo com a sua apresentação e descrição.


As marcas presentes, foram Ramos Pinto, Gran Cruz, Dalva, Andresen, Porto Poças, Fonseca, Taylor, Krohn, Qta.do Crasto, Qta. Noval, Qta. Nova Nossa Senhora do Carmo, Rozès, Soc. Qta. do Portal, Barros, Burmester, Kopke, Ferreira, Sandeman, Offley, Dows, Grahams, Vesúvio e Warre’s e fizeram as delícias dos provadores.

A sala ficou cheia de enólogos das empresas, Confrades e jornalistas da especialidade, tanto Portugueses como Brasileiros. Cerca de 150 pessoas tiveram o privilégio de degustarem estes vinhos, autenticas raridades.


As provas foram abertas às 11:30 pelo Copeiro Môr da Confraria do Vinho do Porto, Engº David Guimaraens e prolongaram-se até às 13:30, seguindo-se o almoço de confraternização.


Os jornalistas portugueses e brasileiros mostraram-se encantados, tirando fotos aos Vinhos que provaram e fazendo as mais diversas perguntas sobre os vinhos em prova.

Agradecemos a colaboração das empresas e a presença dos Senhores Confrades.


Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º 9 - 25 de Novembro 2013


INSCREVA-SE PARA UMA PROVA ÚNICA VINHOS DO PORTO DA DÉCADA 1990

Caro Confrade,

No próximo dia 06 de Dezembro a Confraria do Vinho do Porto vai realizar uma prova única.

Os Vinhos do Porto Vintage e Colheita da década de 90 vão estar em prova mostrando a sua evolução.

Inscreva-se para a prova e almoço: - Ficha de Inscrição (PDF – 21KB)


Marcas Vintage Colheita
Andresen 97, 99 92, 97
Barros   98
Burmester 99
C. da Silva 95 94
Cruz 97 92
Dow’s 94  
Ferreira 94, 95  
Fonseca Guimaraens 95  
Graham’s 94, 97  
Kopke   95
Offley 94, 95, 97  
Poças 91, 94 92, 94
Quinta da Leda 99  
Quinta do Crasto 99  
Quinta do Noval 94, 96, 98, 99 97
Quinta do Vesúvio 94, 96, 98  
Quinta Nossa Senhora do Carmo 95, 97  
Quinta do Portal 95, 97, 99 94
Ramos Pinto 94, 95, 97  
Rozès 94, 95, 97, 98, 99  
Sandeman 94, 97  
Sra. da Ribeira 98  
Taylor's Terra Feita 95  
Warre 94  
Wiese & Krohn   95

Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º 8 - 12 de Novembro 2013


TAÇA GOLFE CONFRARIA DO VINHO DO PORTO 2013

Realizou-se, no dia 26 de Outubro, mais uma edição da Taça Confraria do Vinho do Porto, no Oporto Golf Clube de Espinho.

Esta competição organizada pela Confraria do Vinho do Porto e apoiada pelo Oporto Golf Club tem como objectivo divulgar a realização da taça Vinho do Porto, para potenciar a promoção e divulgação do Vinho do Porto junto dos jogadores de golf e dos sócios do Oporto Golfe Clube de Espinho.

Esteve presente em representação da Chancelaria: Chanceler Emeritus Francisco Javier Olazabal, Dra. Isabel Marrana e Ana Borges.

A prova teve início às 9h00, com 77 pessoas inscritas, sendo reservada a maiores de 18 anos.

Esta prova foi aberta a todos os Confrades e aos jogadores de todos os clubes filiados na Federação Portuguesa de Golf e também a estrangeiros, desde que apresentassem certificado comprovativo do seu handicap.

Ela foi disputada da seguinte forma:

Com a modalidade Stableford os limites de handicap foram 24 para homens e 32 para Senhoras. Em caso de empate “Net” a atribuição seria efectuada ao jogador com handicap mais baixo e o “Gross” ao de handicap mais alto. Se os jogadores empatados tivessem o mesmo handicap, ganharia aquele que tivesse os melhores segundos nove, seis ou três últimos buracos.

Á prova de golfe seguiu-se um almoço de confraternização, com o preenchimento de um “Quiz”- sobre o Vinho do Porto e um “Quiz” - sobre o Golf, procedeu-se depois à entrega de prémios.


O torneio de Golf – Taça Confraria do Vinho do Porto – teve os seguintes vencedores:
- 1º Nett - José Manuel Cordeiro – 38 pontos


- 1º Nett Sénior – Francisco Javier Olazabal – 38 pontos


- 1º Nett Senhoras – Catherine Leão – 34 pontos


- 1º Nett de Confrade - Virgílio Folhadela Moreira – 30 pontos


- 1º Gross Geral - Manuel Violas – 27 pontos


- Drive mais comprido no buraco nº17 – Vasco Santos


- Bola mais perto do buraco nº 16 – Miguel Vilaça


- Questionário sobre Vinho do Porto (8/10 respostas certas) - Nuno Vasco Montenegro, Victor Santos e Vasco Santos.
- Questionário sobre Golfe (8/10 respostas certas) – Manuel Violas e Victor Santos

Questionário Vinho do Porto (PDF – 11KB)
Questionário Golfe (PDF – 13KB)


Os vinhos servidos no almoço foram oferecidos pelas seguintes firmas: C. da Silva, M.D.Poças, Quinta do Noval, Quinta do Vallado, Rozès, Sogevinus, Sogrape Vinhos, SA, terminando com um Vinho do Porto Tawny Quinta do Porto 10 Anos Ferreira a acompanhar a sobremesa.

A Confraria do Vinho do Porto agradece a colaboração do Antonio Leite Castro na realização do questionário sobre golfe.

EFEMÉRIDES

Fazem neste ano de 2013

- 100 anos que foi produzido pela Invicta Filmes com sede na cidade do Porto, o filme “Como se faz o Vinho”.
- 150 anos que a família Cobb entrou na sociedade Cockburn Smithes.
- 200 anos que foi fundada a firma de Vinho do Porto António José da Silva e Companhia, Lda.


Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º 7 - 11 de Novembro 2013


DIA DE SÃO MARTINHO - BRINDE COM VINHO DO PORTO

Hoje, dia 11 de Novembro, é dia de São Martinho!

O dia em que se prova o vinho, diz o povo que o celebra por todo o país.

As adegas têm aquele cheirinho característico do "vinho novo"... Os adegueiros e os enólogos desdobram-se em trabalhos na Região Demarcada do Douro para que o vinho, desta vindima, seja especial.

Façamos assim um brinde ao Vinho do Porto e a todos os nossos Confrades que o promovem e o dignificam por esse mundo fora!

Pelo Vinho do Porto
Pela Confraria
Pelos Confrades


Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º 6 - 19 de Julho 2013


COCKTAILS DE VINHO DO PORTO

Caros Confrades,

Chegou o Verão! As férias vêm aí e nada melhor do que aproveitarmos para saborear um Vinho do Porto, nos seus mais diversos momentos de consumo!

Veja abaixo algumas formas de o consumir fresco e delicioso, à beira mar, numa esplanada, num encontro de amigos...

Um brinde ao Vinho do Porto, à Confraria e aos Confrades!

PORTOTONIC

1 MEDIDA DE VINHO DO PORTO BRANCO SECO
+ UMA MEDIDA DE ÁGUA TÓNICA
+ LIMÃO
+ HORTELÃ
+ GELO A GOSTO

PORTO ROSÉ

VINHO DO PORTO ROSÉ A GOSTO
+ 1 RODELA DE LARANJA
+ HORTELÃ
+ MUITO GELO

CAIPIPORTO

2 MEDIDAS DE VINHO DO PORTO BRANCO SECO
+ 1 LIMA
+ AÇUCAR
+ GELO

Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º 5 - 8 de Julho 2013


XXX REGATA DOS BARCOS RABELOS

No dia 24 de Junho, pelas 16:00, decorreu mais uma Regata de barcos Rabelos da Confraria do Vinho do Porto, a XXX.

Num dia esplendoroso de Sol, a Regata teve início à hora prevista, com saída do Cabedelo em direcção à Ponte D. Luiz I, acompanhada pelo barco da empresa BarcaDouro, com cerca de 250 pessoas, entre as quais destacadas personalidades da cidade, distintos Confrades e seus convidados.


As margens cheias de gente, emolduravam o rio em festa, pleno de vida e animação para assistirem ao evento mais tradicional que as cidades do Porto e Gaia oferecem aos seus habitantes.

Os 16 barcos Rabelos das várias empresas de Vinho do Porto (Gran Cruz, Quinta and Vineyard Bottlers, Sogevinus, Sogrape Vinhos, Symington Family Estates, Rozès) com as velas coloridas ao vento disputavam os lugares da frente, com toda a garra das equipas navegadoras.

No conjunto colorido das velas, destacavam-se o rosa, o azul, os pretos, o vermelho, o amarelo e as tradicionais velas brancas, que com os seus logos fazem a publicidade das grandes marcas de Vinho do Porto.

Ganhou esta regata o Rabelo “Quinta dos Canais”, da Cockburn, do grupo Symington Family Estates, com a sua corajosa equipa, chefiada pelo Mestre Luís Martins.


Em segundo lugar ficou o Rabelo “Quinta da Foz” do Grupo Sogevinus e em terceiro lugar, “Infanta D. Isabel ” da firma Rozès, SA.

Seguiu-se a entrega dos prémios pelo Chanceler da Confraria, Senhor George Sandeman, os aplausos e as habituais fotos de família. Tudo isto acompanhado por danças e cantares do grupo Rancho Folclórico Lavradeiras, de Sta. Maria Adelaide.


Por fim, as equipas participantes e convidados dirigiram-se para as instalações das Caves Sandeman, onde se realizou um agradável Jantar convívio.


Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º 4 - 8 de Julho 2013


CerimÓnia de EntronizaÇÃo
dos Novos Confrades


Realizou-se no dia 22 de Junho, pelas 18H30, no Palácio da Bolsa - Pátio das Nações, a Cerimónia Anual de Entronização dos Novos Confrades da Confraria do Vinho do Porto que foi dedicada em Homenagem, a Fernando Nicolau de Almeida, seu primeiro Chanceler e que exerceu este cargo de 1982 a 1991.


Entre os 51 novos Confrades entronizados, destacaram-se:.

Com o grau de INFANÇÃO

OHMI – Office of Harmonization for the Internal Market - O Instituto de Harmonização no Mercado Interno (IHMI) é a agência oficial da União Europeia com o registro de marcas comunitárias e projetos comunitário que são componentes essenciais do mercado único europeu. Estes registos fornecem protecção a marcas e desenhos em toda a União Europeia, abrangendo 27 países e quase 500 milhões de pessoas

Como Cavaleiro destacamos:

ANDRÉ JORDAN – Falar sobre o Turismo, o Imobiliário e sobre o Golf e fazer referência a André Jordan, é falar de uma personalidade que tem uma visão empreendedora, significativamente avançada em relação à época em que vivemos. Muitas vezes descrito como o “visionário”, o “empreendedor” , o rei do Turismo em Portugal, é hoje um dos empresários mais importantes na actividade turística no nosso país, tornando-se uma referência para muitos outros.

MANUEL FERREIRA DE OLIVEIRA – Presidente da GALP. Apreciador de Vinho do Porto, brinda todos os negócios efectuados com o nosso produto e oferece nas suas deslocações ao estrangeiro, Vinho do Porto de referência

ANTÓNIO RIOS AMORIM – Presidente do Conselho de Administração da Corticeira Amorim. É responsável pela administração de um universo de 78 empresas que se dedicam à transformação integrada da cortiça, à investigação e desenvolvimento e à promoção e comercialização de produtos e novas soluções de cortiça

Para além destas personalidades entronizaram-se com o grau de Cavaleiro mais 32 confrades; com grau de Mestre 2 confrades e com grau de Experto 11 Confrades.


Antes do brinde final, o Chanceler, Senhor George Sandeman, fez um breve discurso que a seguir se transcreve:

“Minhas Senhoras e meus senhores, manda a tradição que o Chanceler diga algumas palavras neste ponto da cerimónia.

Cada ano, preparo um discurso que tento seja relevante para os acontecimentos da nossa Confraria e a audiência pacientemente aguarda até o fim para bater palmas – mas, de facto, há dois ou três dias quando comentei isto com um Confrade amigo, ele disse: “ a acústica não é grande coisa e a maioria das pessoas não percebem o que estás a dizer”.

Não estou a pedir que batam palmas sem discurso, mas só a explicar porque este ano falarei pouco.

Este ano recordamos o nosso primeiro Chanceler, Fernando Moreira Pais Nicolau de Almeida. Nasceu em 1913, na cidade do Porto, no seio de uma família com tradição na produção de Vinho do Porto.

Não me atrevo a contar histórias sobre este homem visionário e criativo, mas como enólogo e criador de vinhos acreditando que o Douro podia produzir vinhos que se aproximavam aos grandes Vinhos do Porto e que em 1952 declarou o seu primeiro “Barca Velha”.

Em 1982 foi um dos fundadores da Confraria do Vinho do Porto e seu primeiro Chanceler e é por isto que hoje celebramos a sua memória.

Este ano também permite a celebração de um outro acontecimento, a Declaração do VINHO DO PORTO VINTAGE 2011.

A tradição de “declarar” um Porto Vintage é algo que foi crescendo ao longo do tempo.

Tendo começado há bem mais de um século antes do Instituto do Vinho do Porto e uns 150 anos antes da fundação da nossa nobre Confraria, a “declaração” era um acto comercial para informar os Comerciantes e negociantes de Vinhos que um exportador tinha decidido pôr à venda um determinado Vintage pela extraordinária qualidade dos seus vinhos.

Ontem, a Confraria do Vinho do Porto celebrou este momento alto do vinho do Porto com a Declaração do Porto Vintage 2011 – representada por 37 casas e Quintas – e um simbólico “blending” do Vintage 2011 da Confraria. Com este acto devemos lembrar o espírito de inovação daqueles que aqui estiveram antes de nós e devemos ser inspirados pelas suas criatividades e tenacidades quando enfrentarmos os desafios do negócio de hoje.

O Vinho do Porto do século 21 não está chauvinisticamente amarrado às tradições na forma de consumir, e todos agarramos entusiasticamente o desenvolvimento de novas ofertas para alargar o conhecimento e consumo do Vinho do Porto num mundo moderno, tal com o Vintage consumido jovem, os “long-drinks”, os “cocktails”, o “rosé” ou simplesmente desfrutá-lo fresco – mas sempre com moderação!

Esta Chancelaria está comprometida a apoiar toda a iniciativa para divulgar o Vinho do Porto, as suas tradições e as suas formas de consumir – novas ou velhas – e, agora, passamos este desafio, não, esta missão, a todos os novos Confrades hoje aqui entronizados, a quem saúdo calorosamente, e a quem digo “bem-vindos” à Confraria do Vinho do Porto!”

À Cerimónia de Entronização, seguiu-se o cortejo dos novos Confrades e convidados até ao Edifício da Alfândega, onde se realizou o Jantar e Baile de Gala, precedidos pela Cavalaria da Guarda Nacional Republicana, a Banda e um Carro eléctrico que transportou alguns dos convidados.


A ementa do Jantar, foi confecionada pelo Chef Executivo da Empresa Solinca, Fernando Santos, e constou de:

- Filete de Robalo tostado com Molho de Vinho Tinto do Douro, salteado de Feijão Verde com Pinhões e Folhado de Tomate.

Vinho Branco Casa Amarela Selection 2012 – Quinta Casa Amarela

- Postinha de Alcatra salteada com Azeite de Rosmaninho, Batatas recheadas com Alheira de Mirandela e Involtini de Pimentos Assados.

Dalva Tinto Reserva 2011 – C. da Silva Vinhos, S.A. Quinta do Passadouro Tinto 2010 – Quinta do Passadouro, Sociedade Agrícola, Lda.

- Creme de Abóbora e Laranja com Terrina de Chocolate Trufada de Caramelo

Vinho do Porto Tawny 20 Anos Confraria do Vinho do Porto

- Selecção de Queijos Portugueses com Marmelada de Framboesa e Mini Pão de Ló em Massa Brik com redução de Porto 10 Anos.

Vinho do Porto Vintage 2000

After Hours
- Preguinhos de Alcatra com Alho
- Creme de Espargos Verdes

O Baile foi muito participado e prolongou-se pela noite dentro.


A Imprensa acompanhou toda a Cerimónia.

Duas equipas de filmagens acompanharam o percurso de dois novos confrades para a realização de dois filmes – “A Year in Porto” da InCa Productions/ EUA e “Georges dos Santos – Marchand de Rêves” da Amatar Filmes.


Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º 3 - 8 de Julho 2013


PROCLAMAÇÃO DO “VINTAGE 2011”
DA CONFRARIA DO VINHO DO PORTO


No passado dia 21 de Junho, realizou-se a Cerimónia da Proclamação do Vintage 2011, no moderno Espaço Belo Horizonte, Av. Brasil, no Porto.

Integrada na Grande Prova do Vintage 2011 organizada pela AEVP, IVDP e CCRDN, que decorreu durante todo o dia com a imprensa nacional e internacional, a Cerimónia da Proclamação do Vintage da Confraria, teve início pelas 17:30 com a participação de 41 Confrades Efectivos, devidamente trajados, apresentando o seu Vintage 2011.


Estiveram igualmente presentes nesta Cerimónia, ilustres convidados e representantes de diversos organismos públicos.

O Chanceler, Sr. George Sandeman, deu início à Cerimónia da Proclamação, com os Confrades alinhados com as respectivas garrafas de Vintage nas mãos.

De seguida, o Chanceler, fez um pequeno discurso sobre a tradição de declaração de um Porto Vintage conforme se transcreve:

“Bem-vindos a este espaço moderno para uma cerimónia tradicional.

Alguns perguntarão, porquê aqui? Neste local contemporâneo por oposição a outro cheio de história.

É uma homenagem da inovação que o Porto Vintage tem na história do vinho do Porto.

É o reflexo da importância que “o mercado” teve na definição do que a hoje chamamos e conhecemos como Porto Vintage.

A história do Porto Vintage de hoje pode ser atribuído a dois momentos relativamente distintos;

O primeiro, na última metade do século XIX (talvez com o Vintage de 1870) em que a transição de engarrafar cada colheita com uma data parece ter sido feita para engarrafar vinhos em anos melhores como um Porto Vintage específico – uma mudança inspirada pela exigência do mercado – uma exigência, como sempre, aceite pelos antigos Comerciantes de Porto.

Henry Vizetelly, escritor de vinhos daquela altura, maravilhado com a capacidade dos Exportadores de Porto de corresponderem às constantes mudanças do mercado na procura de estilos diferentes, disse na sua tese sobre Porto: “a produção de Porto é realmente uma arte”.

A segunda grande evolução para o Porto Vintage de hoje foi a mudança do engarrafamento para o Porto.

Desde 1975 que o Porto Vintage é todo engarrafado pelos exportadores, no Porto. Esta mudança, exigida por razões políticas, assegura um consistente e único engarrafamento do Porto Vintage de cada exportador, garantindo uma qualidade uniforme ao longo de todo o engarrafamento.

Apesar de ter originado o fim da tradição do engarrafamento do Porto Vintage pelos clientes negociantes de vinhos em diferentes pontos da Europa, o mercado e o consumidor de hoje têm vinhos que são, sem dúvida, muito mais harmoniosos e de muito melhor qualidade.

A tradição de “declarar” um Porto Vintage, como hoje estamos a fazer, é também algo que foi crescendo ao longo do tempo.

Tendo começado há bem mais de um século antes do Instituto do Vinho do Porto e talvez 100 anos antes da fundação da nossa nobre Confraria, a “declaração” era um ato comercial para informar os Comerciantes e negociantes de Vinhos que um exportador tinha decidido pôr à venda um determinado Vintage pela extraordinária qualidade dos seus vinhos.

Esta é a 9ª Declaração desde o início da Confraria do Vinho do Porto – a primeira foi a do Vintage Porto 1982.

Ao longo do tempo, as cerimónias foram-se realizando em diferentes locais, tendo a primeira, como não podia deixar de ser, sido na Casa do Infante (patrono da Confraria), depois nas caves em Vila Nova de Gaia - que terminava com uma travessia do rio num Barco Rabelo, com todos os Confrades devidamente trajados!
Uma outra vez na Assembleia da República, em Lisboa e, claro, na Bolsa, no Porto, símbolo da prosperidade do Porto do século XIX.

Apesar de ser agora uma tradição, com o devido peso do tempo e história, o Porto Vintage é sem dúvida uma inovação clássica com o qual o vinho do Porto demonstrou a sua capacidade de reagir às exigências do mercado.

Ao celebrarmos este momento alto do vinho do Porto com a Declaração do Porto Vintage 2011 – aqui representado por 41 casas e Quintas – e o simbólico “blending” do Vintage 2011 da Confraria, não devemos esquecer o espírito de inovação daqueles que aqui estiveram antes de nós e devemos ser inspirados pelas suas criatividades e tenacidades quando enfrentarmos os desafios do negócio de hoje.”

À medida que iam sendo chamados pelo Fiel das Usanças, Sr. Manuel Maria Magalhães Ferreira os Confrades foram despejando os seus Vintage num Cálice de Cristal de grandes dimensões, propriedade do IVDP.

No final, o Copeiro-Mor, Sr. David Guimaraens fez um pequeno discurso sobre a excecional colheita do ano 2011 que deu origem a este Vintage, tão especial e de tamanha qualidade, mexeu o blend e provou-o, fazendo os seus comentários e dando a sua aprovação.


Com grande alegria foi declarado o Vintage 2011 da Confraria do Vinho do Porto.

Os escanções do IVDP serviram um cálice de Vintage 2011 a todos os Confrades presentes para o brinde tradicional da Confraria ““PELO VINHO DO PORTO, PELA CONFRARIA, PELOS CONFRADES”.


Os músicos encerraram a cerimónia.


Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu




FLASH NEWS N.º 2 - 13 de Maio 2013


MISSÃO PROMOCIONAL DA CONFRARIA DO VINHO DO PORTO NO BRASIL

Caros Confrades:


Vimos dar-vos nota da missão promocional da Confraria do Vinho do Porto no Brasil.

Assim no dia 25 de Abril a Confraria realizou uma cerimónia de entronização em S. Paulo tendo entronizado o Jô Soares como Infanção e o Cônsul de Portugal em S. Paulo como Cavaleiro. A cerimónia decorreu no consulado de Portugal nesta cidade.



A Chancelaria realizou logo de seguida, para os presentes e convidados, uma Prova Vintage 2011.

Estiveram em prova os vintages 2011 das seguintes marcas: Burmester, Cálem, Ferreira, Kopke, Niepoort, Offley, Pintas, Quinta do Passadouro e Ramos Pinto.

No dia 26 a Chancelaria esteve presente na Expovinis S. Paulo participando numa prova de harmonização de Vinho do Porto com chocolate. Foram provados os seguintes vinhos:


- Ruby Reserva – Kopke
- Idade 10 anos – Cálem
- Idade 20 anos – Ferreira
- LBV – Ramos Pinto
- Vintage – Burmester

Nesse mesmo dia em Campinas no restaurante Matiss a Chancelaria participou num jantar vínico para 85 pessoas efectuando a abertura de uma garrafa de Vintage Confraria 1982 a fogo. Foram servidos os seguintes vinhos:


- Porto Rosé – Cálem
- Douro Branco – Cálem
- Douro tinto – Quinta do Crasto
- Idade 10 anos – Messias
- Vintage – Burmester 2011

No dia 29 realizou-se a Cerimónia de entronização da Confraria. Foram entronizados 33 novos confrades e foi oferecido um Jantar de gala no Palácio de S. Clemente (Consulado de Portugal no Rio de Janeiro)



Foram servidos os seguintes vinhos:


- Para o brinde foi servido Vinho do Porto 10 anos - Confraria
- No jantar e como vinhos de aperitivo: Vinho do Porto Rosé - Croft e Vinho do Porto Branco – Confraria
Vinho do Porto Branco Idade - Fonseca Guimaraens,
Douro Tinto - Casa Ferreinha Quinta da Leda 2009 e Ramos Pinto Duas Quintas Reserva 2009,
Vinho do Porto de Idade - 20 anos Confraria
Vintage Fonseca Guimaraens 2001

No dia 30 a Chancelaria participou num jantar vínico no Rio de Janeiro, no restaurante Duo, para 110 pessoas, efectuando a abertura de uma garrafa de Vintage Taylor 2004 a fogo.

Foram servidos os seguintes vinhos:


- Porto Branco - Ferreira e Calem,
- VP Branco Idade – Kopke 30 anos, Burmester 30 anos e Dalva 71
- Douro Tinto - Ramos Pinto Collection 2009
- Vinho do Porto 10 – Casa Amarela, Reccua e Lamelas
- Vinho do Porto 20 anos – Ramos Pinto, Ferreira e Burmester
- Vintage – Taylor 2004, Vinho do Porto LBV 2007 – Fonseca


Pode fazer o download das fotos destes eventos em:
- ZIP – 2MB



Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu






FLASH NEWS N.º 1 - FEVEREIRO 2013


ELEIÇÃO DOS NOVOS
CORPOS GERENTES 2013/2015


No 1.° Capítulo de 2013 realizado no passado dia 29 de Janeiro, foram eleitos por unanimidade, em sessão convocada para o efeito, os novos Corpos Gerentes da Confraria do Vinho do Porto para o triénio 2013 / 2015:

A Chancelaria para o triénio 2013 / 2015 é assim composta pelos seguintes Confrades :

- Chanceler - George Thomas David Sandeman
- Almoxarife - António Manuel de Macedo Pinto e Vasconcelos
- Copeiro-Mor - David Bruce Fonseca Guimaraens
- Almotacé - Jorge Chamis Rosas
- Fiel das Usanças - Manuel Maria Matos de Magalhães Ferreira

A mesa de Vedores é composta pelos seguintes confrades:

- Acácio Manuel Poças Maia
- João Manuel Maia de Almeida Barros
- José Carvalho de Gouveia

Foram também aprovados o orçamento e o plano de actividades para 2013.

Foi imediatamente realizado o 2.º Capítulo para aprovação dos novos Confrades a serem entronizados em 22-06-2013 no Porto.
Foram assim propostos pela Chancelaria e aprovados em Capítulo os seguintes Confrades:

- Grau de Infanção:

- Marquês Douro –Duque de Wellington

- Grau de Cavaleiro:

- Manuel Ferreira de Oliveira – Presidente da GALP
- José Rodrigues de Jesus – Revisor de contas do IVDP
- Yva Sundkvist – Presidente do Clube Munskankarna
- Xaquin Marín – Fundador do Museu de Humor (Fene, Espanha)

Por proposta dos Mestres foram aprovados por unanimidade a entronização de:

- 3 Mestres
- 8 Expertos
- 34 Cavaleiros



Seja Responsável. Beba com Moderação

O SÍMBOLO "WINE IN MODERATION.EU" É O LOGOTIPO DO PROGRAMA PAN-EUROPEU PARA PROMOVER O CONSUMO MODERADO DE VINHO. MAIS INFORMAÇÃO EM www.wineinmoderation.eu





Newsletters Anteriores